Eu te esperei voltar

Eu te esperei voltar porque depois de bater a porta, ela ficou apenas encostada. Dormi com o trinco aberto na certeza de que o som dos teus passos ecoaria pelo corredor a qualquer instante. Te esperei porque você repetia que não fechava os olhos antes de beijar meus cabelos e me chamar de pequena. Por […]

Continue lendo →

Reparos

O café ainda está sobre a mesa, à tua espera. A caneca é a mesma que te arrancou risos na primeira vez em que veio à minha casa. Talvez você ainda não tenha reparado que, por isso, ela tem certo significado pra mim. A mesa já não continua da mesma forma: mudei a posição para […]

Continue lendo →

Dessa vez

Você não voltou, como das outras vezes. Atirei todas aquelas palavras duras feito pedras e encarei ousada  os seus olhos de vidro estilhaçado. Alguns cacos rebateram direto em meu peito, mas contive a dor e aguardei a porta se fechar para chorar silenciosa. Prendi a respiração até o som dos seus passos virar a esquina. […]

Continue lendo →